| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

flor futura
Desde: 04/11/2003      Publicadas: 78      Atualização: 15/11/2019

Capa |  Civilização  |  Criação  |  crítica literária  |  pensamento


 Criação

  15/09/2019
  0 comentário(s)


SAUDADE DO MEU PAIPAI

Homenagem carinhosa ao meu pai PM.

SAUDADE DO MEU PAIPAI

Nestes dias de muita batalha e sol quente no quengo

Panfletando nas ruas

para dar certo meu consultório de tarologia

Cansado chego em casa

E hoje domingo

abalado pelos comentários de minha mãe endurecida

Penso no peito farto e peludo

de meu pai

onde aninhava a cabeça em 2006

Sentia o seu cheiro forte, viril e másculo

de PM

Um peito porto-seguro

 

Pai,

Eu poderei ter vários barrigudos peludos

para me abraçar

Mas nenhum se compara aos seus braços

fortes de PM maduro.

 

Pois nenhum peito peludo

tem o seu cheiro protetor.

  Autor:   Charles Odevan Xavier


  Mais notícias da seção poesia no caderno Criação
15/11/2019 - poesia - Um amigo de costas largas
Poema para meu amigo dos pampas...
15/11/2019 - poesia - Um amigo de costas largas
Poema para meu amigo dos pampas...
31/10/2019 - poesia - Amigo dos pampas
Homenagem a um amigo dos pampas...
20/10/2019 - poesia - A Mulher que valeria a pena casar
Homenagem a uma amiga...
19/10/2019 - poesia - Acerto de contas
Poema pobre sobre pessoa medíocre e empobrecedora...
04/09/2019 - poesia - SAUDADE DO PM
Elegia triste por saudade do meu amigo PM....
28/08/2019 - poesia - O PM MADURO
Poema em homenagem ao meu pai, sub-tenente....
09/05/2019 - poesia - A PATOLADA DO SOLDADO
Poema onde o autor homenageia o soldado da tropa de choque que passou por ele quando discursava numa manifestação de Protesto contra as injustiças do capitalismo. Neste momento que o soldado passou o mesmo fez um gesto de olhar de relance e suspender em seguida leve e sutilmente o próprio pênis ...
28/11/2018 - poesia - ELEGIA PARA LEZADO
Tributo póstumo e fúnebre ao poeta e historiador punk Wilezado Ruas....
23/10/2018 - poesia - EXPERIMENTOS COM O TEMPO - CONCERTO Nº 1
Poema lírico onde o autor revela sua vontade e ânsia de auto-transcendência....



Capa |  Civilização  |  Criação  |  crítica literária  |  pensamento